A Genialidade da Escrita

A genialidade por trás da escrita é uma coisa há muito divagada. E, as pessoas a encaram de uma forma completamente equivocada.

 
genio2

 

“A genialidade não irá te procurar.”

Antes de mais nada, se você quer ser um escritor, precisa saber que a genialidade não irá te procurar. Ela não é uma herança, esperando que você decida escrever e instantaneamente seu subconsciente aflora e tudo o que escreve é ouro. Isso não acontece, nem mesmo depois que você já encontrou o caminho para a genialidade.

“O gênio nasce de trabalho duro, esforço, estudo e, principalmente, prática.”

O gênio nasce de trabalho duro, esforço, estudo e, principalmente, prática. Um bebê demora cerca de nove meses para chegar ao mundo, e quando ele sai um pouco mais cedo, é comum que aconteçam complicações no parto. O mesmo vale para o gênio.

“O escritor precisa deixar o tempo ditar as regras.”

O escritor precisa deixar o tempo ditar as regras. Precisa sentar e escrever, todos os dias. Precisa ler e estudar sobre técnicas de escrita e de criação artística. Precisa praticar, e exercitar a mente. E, quando você menos esperar, alguém vai estar lendo os seus livros e dizendo:

“Cara, você é um gênio!”

É assim que funciona.

“Para ser um gênio, tudo o que você precisa é uma pessoa que te reconheça.”

A verdade é que, para ser um gênio, tudo o que você precisa é uma pessoa que te reconheça. Um leitor que olhe para o que você escreve, suspire e pense:

“Uau, eu queria escrever tão bem quanto ele.”

E isso só vem depois de muito esforço.

“Ser um gênio significa saber dar tempo ao tempo, e não enlouquecer caso algo dê errado.”

Portanto, pare de reclamar que todo mundo escreve melhor que você, ou que você não é uma das maiores influências do mundo literário, e comece a escrever. Porque ser um gênio significa saber dar tempo ao tempo, e não enlouquecer caso algo dê errado.

Lembre-se que os maiores gênios da literatura moderna e clássica passaram por dificuldades enormes até chegarem ao topo. J.K. Rowling foi rejeitada diversas vezes com Harry Potter, o que viria a ser um grande marco da literatura jovem fantástica; J. R. R. Tolkien demorou 12 anos para escrever a obra completa de Senhor dos Anéis, porque uma lenda não se cria da noite para o dia; Até hoje, algumas pessoas dizem que William Shakespeare não era o autor original de suas peças mais marcantes, mesmo sendo um dos maiores roteiristas de Teatro do mundo; Diversos autores geniais já foram caçados politicamente por conta de suas obras libertadoras.

“Cada livro é uma nova jornada, e cada palavra é um passo no caminho da genialidade.”

Ser um gênio significa enfrentar batalhas e vencê-las. Mas, isso não significa que elas vão parar de aparecer. Cada livro é uma nova jornada, e cada palavra é um passo no caminho da genialidade. Escreva, escreva, escreva. Essa é a maior dica que posso dar para um escritor: escreva.

 

Caio Vinícius, autor, professor e nem perto de ser um gênio.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s